domingo, 10 de julho de 2011

Cris, dois anos de saudade

À minha prima, minha amiga, minha parceira de sonhos


Há dois anos você se foi.

“Não sei por que você se foi”, mas não foi só a saudade, que você deixou.

Você deixou a marca de uma vencedora e um exemplo de fé, esperança e determinação.

Acreditou na força da alegria e do amor pra vencer a dor e a desesperança.

Acreditou na luta por um mundo melhor como alimento para os sonhos que sonhou.

Acreditou na beleza do sorriso que ofertou, no brilho de um olhar sincero que iluminou caminhos e na força divina que fortalece quem acredita em algo maior.

Por tudo isso, sua partida não foi um fim. Não foi uma previsível derrota, depois de uma guerra que só poderia ter um final.

Foi, certamente, um desfecho vitorioso depois de tantas batalhas, de uma incansável luta pela vida.

Foi apenas um novo início.

E já que eu não tive tempo de dizer adeus, digo agora apenas que eu gostava tanto de você.



GOSTAVA TANTO DE VOCÊ - PAULA TOLLER





5 comentários:

  1. Zé, não me faça chorar!......
    É incrível como nos vem a lembrança!...Quando nos damos conta levamos um susto pois parece que não aconteceu. Lembramos é da pessoa viva, sua alegria, sua simpatia, seu sorriso. Como era bonita minha amiga e comadre Cristina. As pessoas que gostamos vão embora e é certo que vai um pedaço de nós. No mundo tudo é interação, energia, interdependência. Assim, no mínimo, seus átomos, que são formados de compostos químicos que tem energia dos elétrons, prótons e quemais, continuam o processo de interação, dando vida a outros seres e ela vive um pouquinho em cada átomo espalhado e vive muito na nossa boa lembrança.
    Abraços!...

    ResponderExcluir
  2. Zé, não me faça chorar!......
    É incrível como nos vem a lembrança!...Quando nos damos conta levamos um susto pois parece que não aconteceu. Lembramos é da pessoa viva, sua alegria, sua simpatia, seu sorriso. Como era bonita minha amiga e comadre Cristina. As pessoas que gostamos vão embora e é certo que vai um pedaço de nós. No mundo tudo é interação, energia, interdependência. Assim, no mínimo, seus átomos, que são formados de compostos químicos que tem energia dos elétrons, prótons e quemais, continuam o processo de interação, dando vida a outros seres e ela vive um pouquinho em cada átomo espalhado e vive muito na nossa boa lembrança.
    Abraços!...

    ResponderExcluir
  3. Eduardo Conceição.13 de julho de 2011 09:06

    SEM COMENTÁRIOS!!!!!!!!!!!
    SOMENTE LÁGRIMAS... DE SAUDADES E BOAS LEMBRANÇAS.
    FOI UMA HONRA TÊ-LA EM MINHA VIDA.
    Eduardo Conceição.

    ResponderExcluir
  4. Zé, vc nos emociona sempre! Obrigada pela homenagem. Amamos vc! Cris tb te amava muito, pq não tinha e nem tem como não amar alguém tão especial!

    ResponderExcluir
  5. Também sinto muitas saudades da minha amiga de adolescencia, que depois virou companheira de lutas do nosso partido

    ResponderExcluir